Década de 1980

linha-do-tempo-6

A tão sonhada regulamentação do futebol feminino ocorreu em março de 1983. O desgaste do regime militar e os avanços dos movimentos sociais – incluindo os feministas – contribuíram para que a prática do futebol se fizesse realidade. Clubes e campeonatos surgiram em todas as regiões do país, dando vazão a uma demanda represada por mais de 40 anos.O regulamento apresentava diferenças em relação ao futebol masculino, como: o tempo da partida era de 70 minutos, com intervalo de 15 a 20 minutos; a bola tinha circunferência menor, entre 62 e 66 centímetros; o peso máximo da bola era de 390 gramas; as jogadoras deviam usar chuteiras com travas metálicas ou pontiagudas; era proibido cobrar bilheteria dos jogos; jogadoras não podiam trocar de camisas com as adversárias após as partidas.

Legenda: Exposição – Mulheres, desobediência e resiliência (Museu do Futebol)
Créditos: Suzana Cavalheiro pelo Isis Pop ao lado da jogadora do Atlético Mineiro. Belo Horizonte, 1983. Coleção Suzana Cavalheiro | Acervo Museu do Futebol

a

Display your work in a bold & confident manner. Sometimes it’s easy for your creativity to stand out from the crowd.

Where to find us
Social